Cláudia Regina tinha responsabilidade em atos que levaram à sua cassação, diz jornal

Cláudia Regina tinha responsabilidade em atos que levaram à sua cassação, diz jornal

Prefeita cassada Cláudia Regina (DEM)

O jornal O Mossoroense afirma que a forma como a prefeita cassada Cláudia Regina (DEM) se beneficiou das excessivas agendas cumpridas pela governadora Rosalba Ciarlini (DEM) em Mossoró foi decisiva para o juiz da 33ª Zona Eleitoral, Herval Sampaio Júnior, afastá-la do cargo.

A culpa da prefeita cassada reside no fato de ela ter tirado proveito de uma situação que desequilibrou o pleito. Mesmo vendo a governadora vindo a Mossoró semanalmente para anunciar obras, a então candidata a prefeito “não deu um basta” na iniciativa.

Pelo contrário: permitiu que a governadora mantivesse uma agenda administrativa casada com a campanha política. Nos comícios a governadora sempre dava a entender que só faria parcerias administrativas com a Prefeitura de Mossoró se a candidata dela fosse a eleita.

As provas coletadas pela coligação “Frente Popular Mossoró Mais Feliz” convenceram o juiz Herval Sampaio de que havia um claro abuso de poder econômico e político.

CLIQUE AQUI e leia a matéria completa.

Comentar

CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e para prevenir envio automático de spam.
2 + 9 =
Resolva este problema matemático simples e digite o resultado. Por exemplo: para 1+3, digite 4.