Facções do Seridó

SENAI participa de encontro com empresários de facções do Seridó

Hoje o Estado possui 90 fábricas do ramo, gerando mais de dois mil e quinhentos empregos

O encontro técnico do Programa de Industrialização do Interior aconteceu essa semana na Casa do Empresário, em Caicó. Atuais e futuros empresários do setor de facções participaram do evento, realizado para esclarecer dúvidas a respeito do Pró-Sertão, o programa do Governo do Estado que tem, entre outros objetivos, o de ampliar o número de empresas de confecção do Rio Grande do Norte. Hoje o Estado possui 90 fábricas do ramo, gerando mais de dois mil e quinhentos empregos.

O SENAI é um dos parceiros do programa. Já há algum tempo o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial vem formando mão de obra, para atender a demanda provocada pelo crescimento do setor no Rio Grande do Norte. Uma das formas de capacitação está sendo através do PRONATEC, o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego, do Governo Federal, que, em alguns casos, promove os cursos nas próprias fábricas, onde a mão de obra será empregada.

A diretora da unidade do SENAI em Santa Cruz, Luciene Pontes, foi a representante da instituição no evento e falou como o Serviço de Aprendizagem está contribuindo para o desenvolvimento do setor. Luciene explicou os caminhos que os empresários devem seguir para capacitar seus colaboradores. Luciene Pontes acompanhou o secretário de Desenvolvimento Econômico, Rogério Marinho, em visita às empresas. Também esteve presente a vice-diretora da unidade do SENAI de Santa Cruz, Mayara Melo.